Clique fora do quadro branco para sair.

Contato: dimasfolha@hotmail.com Fone: (69) 8492-7805 | 9909-5813
Visitas: 3980576 | Online: 28

10 de Março de 2014
Cone Sul


Em Cerejeiras, Polícia Federal e Anatel fecham rádio pirata e prendem dono

Radialista foi liberado após pagar fiança

Compartilhe:

A Polícia Federal (PF) e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) fecharam, nesta segunda-feira (10), a rádio pirata que se intitulava “Cerejeiras FM” e que funcionava clandestinamente em diferentes bairros de Cerejeiras. O dono e responsável pela emissora clandestina, Wilson Aguiar chegou a ser preso e só foi libertado depois de pagar fiança, preso em flagrante. A Polícia Federal não divulgou os nomes de outros envolvidos no caso.
Esta não é a primeira vez que a emissora ilegal é fechada e o dono, preso. De acordo com a Polícia federal, o proprietário foi indiciado inúmeras vezes e o locutor havia sido detido no ano passado. Por esse motivo, a PF lavrou o flagrante e estipulou fiança. Segundo o delegado que atuou no caso, a rádio funcionava há aproximadamente 10 anos e sempre, apesar de já ter sido fechada anteriormente, acabava reabrindo.
“Um dos motivos era por ser arbitrada a fiança como punição. Mas como o valor dos equipamentos à disposição no mercado é muito baixo, e há facilidade em encontrá-los, o dono a reabria sem maiores dificuldades”, revela o delegado.
Segundo informações de moradores, a rádio pirata já havia sido denunciada outras vezes, o que resultou nessa ação conjunta da Anatel com a Polícia Federal. “São ações como estas, de combate à clandestinidade, que devem ser valorizados a cada dia. Não é justo que as emissoras legalmente outorgadas passem por rigorosos processos de autorização de funcionamento, paguem altíssimos valores cobrados pelo governo federal para podermos informar e entreter a população e emissoras ilegais, sem nenhum comprometimento social, fiquem impunes. Ganha a sociedade, que neste momento vê a justiça acontecendo”, disse uma autoridade
Desta vez os agentes federais surpreenderam mais uma vez e a emissora foi retirada do ar e os equipamentos apreendidos. A rádio sistematicamente mudava de endereço para ludibriar as autoridades e, numa destas apreensões, o responsável pela emissora, Wilson Aguiar, chegou a ser preso.
Vale lembrar que está previsto para este mês a entrada em funcionamento da rádio Líder FM, a primeira emissora legalizada de Cerejeiras.

 


Fonte: Hoje Rondônia
Postado por: Dimas Ferreira
Autor: Reprodução
Créditos de Fotos: Reprodução