Visitas 31411644 - Online 223

Sexta-feira, 03 de Abril de 2020

Meio Ambiente

26/05/2009 16:30:35

ASSOCIAÇÃO DIZ QUE NÃO DEIXA ÁREA EM LITÍGIO

As cerca de 50 famílias instaladas numa área de terras nas proximidades da faculdade Iesa, nos fundos do bairro Cristo Rei garantem que não pretendem deixar o local. O presidente da Associação do Bairro Novo Paraíso, Ortelino Ritzel, que comanda o assentamento, garante ter escritura expedida pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) permitindo que a entidade ocupe a área.

No final do ano passado, houve uma tentativa de expulsar as famílias do local. A ação de desocupação nem chegou a ser proposta, mas a prefeitura de Vilhena alega que a área pertence ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae). Cortado em cerca de 1.200 “datas”, o terreno também conserva algumas “áreas verdes” para a construção de praças no futuro.

O assentamento ainda não dispõe de qualquer infraestrutura, mas Ortelino garante que o problema será resolvido em breve, já que a escritura dos 57 hectares lhe permitirá cobrar investimentos do município em rede de água e energia, além de abertura de ruas.

O último prazo para que as pessoas interessadas em um terreno no local se inscrevessem foi encerrado na tarde de ontem. Quem se inscreveu para ocupar a área teve que pagar duas taxas: 50 reais para que a associação custeasse as despesas com advogados e mais 80 reais para bancar serviços de topografia.

Entre as pessoas que se habilitaram para ganhar um terreno no “grilo”, estão pelo menos quatro policiais militares. O restante dos contemplados são famílias de baixa renda, que terão seis meses para começar a construção das residências. Após esse prazo, caso as obras não tenham começado, o dono do lote poderá perder o imóvel. Ortelino justifica a medida: “Isso aqui é para quem não tem onde morar. Não vamos permitir especulação imobiliária”.

 





Fonte: FS
Autor: Irenaldo Malta

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.