Visitas 8700954 - Online 218

Domingo, 18 de Novembro de 2018

Geral

27/09/2018 13:09:00

Morre em hospital de Vilhena cabeleireiro que teve 90% do corpo queimado após ataque do companheiro

Discussão entre casal homoafetivo teria motivado o crime

Faleceu por volta das 9:00h desta quinta-feira, 27, na UTI do Hospital Regional de Vilhena, o cabeleireiro Daniel Reis (de camiseta salmão), 38 anos, que ontem teve 90% corpo queimado após o ataque do companheiro, Ozéias Cassimiro de Camargo (camisa amarela), 33. Lembre aqui.

O crime aconteceu no salão do casal homoafetivo, que mantinha, segundo uma familiar ouvida pelo FOLHA DO SUL ON LINE, uma relação de mais de dez anos. Após ferir gravemente parceiro, Ozéias deixou o local às pressas e é considerado foragido.

De acordo com testemunhas já ouvidas pela polícia, depois de uma discussão entre os dois, o agressor aproveitou o momento em que Daniel estava sentado e atirou o combustível sobre ele, ateando fogo na sequência.

Ainda abalada logo após ser comunicada sobre o óbito, a família da vítima não quis falar com o site, confirmando, porém, que ia registrar queixa na polícia contra o assassino.




Fonte: Foto: arquivo pessoal/Facebook
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.