Visitas 9716864 - Online 272

Terça-feira, 18 de Dezembro de 2018

Policial

13/09/2018 11:40:00

Pelo WhatsApp, adolescente de 17 anos recebe mensagens de indução ao suicídio e aciona polícia em Vilhena


Após as ameaças, chamou a jovem para manter relações sexuais

Na tarde de ontem (quarta-feira, 12) uma adolescente de 17 anos foi à Unisp de Vilhena relatar ter recebido mensagens, através do WhatsApp,  com teor de ameaças de um número do Rio de Janeiro. Segundo contou a moça, um perfil com uma “foto aterrorizante”, e que se identificou como Momo, começou ameaçá-la, dizendo que acabaria com tudo o que ela gosta, inclusive com a sua alma. Após as ameaças, chamou a jovem para manter relações sexuais. 

Ao lembrar-se de uma reportagem no Fantástico, que falava sobre o “Perfil Momo”, a vítima procurou a Unisp para registrar a ocorrência. Ao informar ao desconhecido que havia registrado BO na polícia, a moça foi bloqueada pelo número que a ameaçava.


O QUE É O “PERFIL MOMO”?
O FOLHA DO SUL ON LINE pesquisou sobre o assunto e descobriu que a Momo é um desafio viral que está rodando o mundo via WhatsApp. É um jogo que pode ser comparado com o ‘Baleia Azul’. A foto usada é de uma estrutura japonesa, e que ilustra esta matéria.

As pessoas que já tiveram contato com a Momo dizem que ela sabia sobre suas vidas e tinha informações sobre amigos, atividades, familiares e lugares que eram freqüentados por suas vítimas. Alguns contam ter recebido ameaças aterrorizantes. Um dos desafios propostoS pela Momo é conversar com ela às 3:00 da manhã, que é o “horário dos demônios”.

Os especialistas recomendam bloquear o número assim que ele fizer contato, uma vez que a vítima pode sofrer consequências como: roubo de informações pessoais, assédio, extorsão, transtornos físicos e psicológicos (ansiedade, insônia, depressão) e até mesmo ser induzida à violência e ao suicídio.

Ao cruzar as informações sobre a pessoa através do número de telefone, a Momo consegue acesso as contas de mídia sociais vinculadas, e depois outros dados, até mesmo o endereço. O perigo é o que será feito com tais dados.  Então, o importante é não entrar em contato com a Momo ou bloqueá-la caso mande alguma mensagem.

Em Pernambuco a polícia investiga um caso envolvendo o desafio. Uma adolescente de 13 anos teria cortado os pulsos por causa do jogo. A menina foi socorrida e passa bem. Seus pais notaram o que estava acontecendo por causa da mudança em seu comportamento. Ao descobrirem, denunciaram à polícia. 




Fonte: Foto ilustrativa
Autor: Jéssica Chalegra

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.