Visitas 8701322 - Online 226

Domingo, 18 de Novembro de 2018

Política

07/11/2018 12:07:00

Sessão da Câmara de Vilhena realizada ontem teve “vereador isolado”e bombardeio contra secretários


Parlamentares que eram mansos com ex adotam postura combativa contra atual prefeito

Numa sessão marcada por fortes críticas a dois secretários municipais, a Câmara de Vilhena foi palco de uma cena inusitada ontem: o vereador Carlos Suchi (Podemos), visivelmente constrangido e irritado, trocou de lugar na mesa para ficar longe do colega Ronildo Macedo (PV).

Os dois parlamentares andam se estranhando desde a CPI que inocentou Célio Batista (PR), que teve o mandato preservado: Suchi, que votou pela cassação do parlamentar, acusou Macedo de ser omisso, em virtude de o companheiro de Parlamento ter optado pela abstenção. Lembre aqui.

Na sessão, o vereador Samir Ali (PSDB), considerado “da base”, criticou o secretário Ricardo Zancan, que acumula as Pastas de Terras e Planejamento. O tucano disse que Zancan não dialoga com os parlamentares.

Já a trinca Suchi, Vera da Farmácia (MDB) e Valdete Savaris (PPS) bombardeou o secretário de Educação, Clésio Costa, por causa de um episódio registrado esta semana numa escola rural: a carne fornecida ao colégio estaria imprópria para consumo.

Os três parlamentares, que eram menos combativos na gestão da então prefeita Rosani Donadon (MDB), da qual eram aliados, resolveram fazer oposição ao atual, Eduardo Japonês (PV).




Fonte: Foto: Alan Souza
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.