Visitas 18517069 - Online 189

Domingo, 18 de Agosto de 2019

Trânsito

11/02/2019 14:13:00

Adolescente indígena perde bebê em hospital de Vilhena e morre a quinta vítima de acidente na BR 364

Quatro das vítimas do choque entre duas picapes já haviam sido identificadas

Continua internada no Hospital Regional de Vilhena a adolescente indígena que sobreviveu ao acidente que deixou quatro mortos na BR 364, a cerca de 30 km de Vilhena. O fato aconteceu na tarde de sexta-feira quando duas picapes se chocaram violentamente sob forte chuva. Lembre aqui.

O FOLHA DO SUL ON LINE confirmou que a garota da etnia Aikanã, de 16 anos, estava grávida de 25 semanas. Os médicos que a atenderam no HR constataram que o bebê estava morto na barriga dela. O feto não resistiu ao impacto entre os dois veículos.

A menor, que já recebeu alta, não precisou ser submetido a cirurgia para a retirada do bebê, cujo sexo não foi revelado. Ela expeliu a criança, passou por uma curetagem, procedimento pós-aborto, e já está fora de risco.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.