Visitas 29207497 - Online 194

Quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020

Arte e Cultura

26/11/2019 18:46:00

Circo-teatro que já passou por 400 cidades do Brasil faz apresentação em praça de Vilhena esta semana


Nessa turnê, serão 12 apresentações em cidades diferentes de Rondônia e Mato Grosso
 
Pela primeira vez em Rondônia, o Circo Teatro Sem Lona realizará, na quinta-feira, 28, uma apresentação aberta o público, em Vilhena. O evento, que acontecerá na Praça Ângelo Spadari, no Centro, se iniciará às 19 horas e terá 90 minutos de duração.
 
O grupo, que já se apresentou para mais de 1,5 milhões de pessoas, em 400 cidades do Brasil, foi criado em 1996 e, em Vilhena, trará o projeto teatral “Era Uma Vez o Natal”, aprovado pela Secretaria Especial de Cultura e que tem o patrocínio do Grupo Gazin.
 
Com 90 minutos de duração, o espetáculo itinerante usará o natal como tema e o público poderá assistir a uma apresentação com diversas representações da arte, como a dança, música, circo e o tetro. O fato de a peça acontecer ao ar livre facilita o acesso da população à dramaturgia, além de ser desenvolvida com linguagem simples e criativa, o que a torna a apresentação compreensível.
 
Ao todo, nessa turnê, serão 12 apresentações em cidades diferentes de Rondônia e Mato Grosso. Os espetáculos acontecem em locais públicos, na carreta em que o grupo viaja, e são gratuitos.
 
 
SOBRE O CIRCO TEATRO SEM LONA
O Circo Teatro Sem Lona é uma companhia independente criada com o objetivo de pesquisar e criar uma linguagem teatral inspirada nas companhias de circo-teatro que movimentaram a circulação de espetáculos pelo interior do Brasil, desde a década de 50.
 
A circulação dos espetáculos pelo interior mostrou que a realidade ainda não difere das décadas passadas, ou seja falta de espaço adequado para a prática teatral. Deste modo, a companhia adotou o procedimento de promover espetáculos para espaços alternativos.
 
Um sistemático e organizado procedimento de estudo, pesquisa para montagem e oficinas, que são oferecidas em nosso espaço e região, garantem as atividades constantes e regulares do grupo. São promovidos eventos com o objetivo de proporcionar o intercâmbio de grupos e profissionais que ministram cursos, palestras e oficinas.
 
O grupo desenvolveu ao longo dos anos uma linguagem própria, fundamentada em estudos, pesquisas de campo com a realização de espetáculos em localidades inusitadas, o que confere aos trabalhos uma característica própria e inédita. A Companhia maringaense “Circo Teatro Sem Lona”, existe desde 1996, quando foi criada com o objetivo de unificar os estudos das linguagens de circo e teatro, através do resgate da figura simbólica do pequeno circo de fundo de quintal, motivo sempre presente nas brincadeiras infantis.
 
Depois de várias oficinas de acrobacia, malabares, trapézio, mágicas, estudos sobre a figura do palhaço, etc., surgiu a necessidade de produzir um espetáculo, no qual se pudessem aproveitar as experiências apreendidas. Da pesquisa e investigação teatral, estreou em 1999 “O Guarani”, que depois mudamos o titulo para “O Amor de Peri e Ceci”, inspirado na obra de José de Alencar, resultando num espetáculo irreverente, dinâmico, satírico e musical, apoiado na linguagem simples e popular, como meio de atingir o espectador.
 
Desde a estreia de seu primeiro espetáculo o grupo tem participado de inúmeros festivais e mostras de teatro. Com 19 anos de história conquistou mais de 70 prêmios em todo território nacional e solidificou o nome da companhia como uma das mais atuantes no estado do Paraná, realizando cerca de 300 apresentações por ano em todo o Brasil, e 24 montagens nesses 19 anos de histórias sendo que 20 peças ainda continuam em circulação pelo país.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Jéssica Chalegra

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.