Visitas 12701913 - Online 216

Domingo, 24 de Março de 2019

Cotidiano

19/02/2019 17:22:00

Crueldade: cãozinho ferido e com fome é amarrado em bairro de Vilhena; ONG de resgate é acionada


Animal tem um perfuração nas costelas e dificuldades para respirar

O olhar desamparado é um pedido silencioso de ajuda. A dificuldade para respirar e a profunda perfuração nas costelas, aparentemente provocada por maus-tratos, tornam ainda mais dramática a cena.

Foi essa a situação que encontrou um morador do bairro São José, nas proximidades da feira livre, na tarde desta terça-feira, 19. A poucos metros de sua casa, alguém deixou amarrado por correntes, a uma árvore na calçada, um cão de raça indefinida.

Comovido pela penúria do animal, que também estava molhando e tremendo, o homem levou uma vasilha de água e um pouco de ração, que ele consumiu imediatamente, apesar da debilidade.

Um servidor do SAAE, que passava pelo local, também se compadeceu do drama do cão e acionou a ONG Amor de 4 Patas, que reúne voluntários no combate aos maus-tratos contra animais em Vilhena (confira aqui). A esperança é que o cachorro seja resgatado antes que comece a chover novamente.

O morador não viu quem deixou o animal preso, numa visível e cruel ação de “descarte”, mas supõe que a pessoa seria de outro bairro, que foi ali apenas para isso. “Só não recolho porque já tenho 6 gatos em casa, e eles não estão acostumados a conviver com cães”, justificou, prometendo aguardar no local até que a ajuda apareça.




Fonte: Fotos: Matias Siqueira
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.