Visitas 20091246 - Online 254

Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

Meio Ambiente

22/05/2019 11:16:00

Em Vilhena, homem de 30 anos é preso pela PM, acusado de abater animais da fauna silvestre


Suspeito disse que havia ganhado a carne encontrada em mochila

Um homem de 30 anos foi levado para a Unisp de Vilhena, na noite de terça-feira, 21, após ser flagrado com partes de uma arma de fogo e carne que seria de animal silvestre. A abordagem aconteceu no bairro São José, em Vilhena, e o registro feito como crime contra a fauna.

A guarnição fazia patrulhamento, quando avistou um homem, em uma motoneta, entrar em uma residência. Foi feito um contato, e em seguida ele foi liberado. Ao sair do local, uma pessoa que passava pela rua parou os policiais e disse que homem anteriormente abordado havia se desfeito de um cano de ferro perto de sua casa.

Ao ir conferir a informação recebida, a polícia encontrou um cano de espingarda, calibre 36/37 full choque. Diante disso, a viatura retornou à residência do homem que se desfez do objeto.

Na casa, em contato com esposa do suspeito, ele foi visto vindo de onde havia deixado o cano. Em revista pessoal, a polícia encontrou uma faca do tipo peixeira. Já na parte de trás da casa, havia uma mochila com ração e dois pernis de carne, provavelmente de animal silvestre.

Ao ser questionado sobre a outra parte da arma, o abordado disse que havia deixado em um sítio, cerca de 30 quilômetros de Vilhena e que ganhou a carne de um vizinho da área rural.

Ele foi levado para a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) para o registro da ocorrência, junto com os objetos e a carne.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Jéssica Chalegra

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.