Visitas 23051512 - Online 202

Terça-feira, 12 de Novembro de 2019

Política

10/07/2019 16:15:00

Em Vilhena, vereador diz que não é oposição, mas bota pressão em prefeito: “meu dever é cobrar”


“Estamos tentando dar nossa contribuição, e quando somos atendidos, toda a população ganha”.

Em entrevista por telefone ao FOLHA DO SUL ON LINE na manhã desta quarta-feira, 10, o vereador Samir Ali (PSDB) confirmou ter apresentado, na sessão da Câmara realizada ontem, requerimentos cobrando do secretário de Saúde, Afonso Emerick, a lista dos equipamentos já comprados e ainda não instalados, para atender os pacientes que procuram a rede pública.

Samir citou especificamente o mamógrafo, que começou a funcionar no  ano passado, mas depois apresentou defeito e não teria feito, até agora, nem 50 exames. “Minha função é cobrar o funcionamento de uma máquina tão cara e indispensável. Estão confundindo cobrança com oposição”, alegou, dizendo que mantém a confiança na gestão do prefeito Eduardo Japonês.

O jovem tucano, no entanto, mesmo dizendo que permanece na base de apoio do prefeito na Câmara, adiantou que não vai se omitir na fiscalização da gestão dele. Samir alegou que todas as vezes que a Câmara se une em torno de um propósito, as coisas avançam. E lembrou que, foi graças às cobranças dos vereadores que o município contratou, recentemente, um oftalmologista. “Parabenizo o prefeito por nos ouvir. Estamos tentando dar nossa contribuição, e quando somos atendidos, toda a população ganha”.

O vereador lembrou que sua cobrança foi endossada por outros colegas, também considerados aliados do prefeito na Casa.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.