Visitas 16185779 - Online 235

Terça-feira, 25 de Junho de 2019

Policial

29/05/2019 15:37:00

Polícia investiga denúncia de menina de 14 anos, que disse ter sido estuprada quando ia para escola em Vilhena


Um dos suspeitos teria dito aos comparsas que eles “pegaram a garota errada”.

Na manhã de terça-feira, 28, uma adolescente de 14 anos acionou a Polícia Militar para denunciar que havia sido vítima de um estupro enquanto ia para a escola pública onde estuda, no bairro Cristo Rei.

Aos policiais, a garota contou que, no meio do caminho, foi puxada para dentro de um carro preto, onde estavam três homens. A menina não soube explicar o local onde foi abordada e colocada dentro do automóvel, mas relatou que um dos ocupantes do veículo cometeu violência sexual contra ela.

Em dado momento, um quarto suspeito apareceu, a quem ela se refere como “homem com tatuagem na mão”. Esse teria dito para os outros que eles “pegaram a garota errada”. Ela conseguiu fugir após apertar o olho do motorista, obrigando-o a parar o veículo.

A fuga aconteceu no mesmo bairro onde o namorado da menor de idade mora, e foi na casa dele que ela se refugiou até a chagada da polícia. O caso está registrado na DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) e será investigado.




Fonte: Folha do Sul
Autor: Jéssica Chalegra

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.