Visitas 24605682 - Online 218

Terça-feira, 10 de Dezembro de 2019

Geral

11/11/2019 12:16:00

Vereador reage a proposta de colega homenageando médico: “esse vagabundo matou a minha filha”


Leninha apresentou 15 nomes para receber Moção de Aplauso
 
Durante reunião na Câmara Municipal de Vilhena, na manhã desta segunda-feira, 11, o vereador Carlos Suchi (Podemos) reagiu indignado a uma relação de médicos, apresentada pela colega dele, Leninha do Povo (PTB), para receber “Moção de Aplauso” na Casa.
 
Leninha listou 15 profissionais de várias especialidades, e alegou que todos eles atuam há muito tempo na cidade e são bons profissionais. Servidora da Saúde, que concilia o mandato com o trabalho no Hospital Regional, Leninha deu testemunho de que os médicos homenageados atendem com competência na unidade.
 
Ao tomar a palavra, Suchi destoou da colega de Parlamento ao vetar um dos agraciados com a Moção de Aplauso, deixando claro que não apoiará a homenagem a ele: “esse vagabundo matou a minha filha; é um preguiçoso, que falta a plantões. Faça uma enquete lá no Regional pra ver quem gosta dele”, disparou.
 
Leninha disse que não incluiria o médico criticado por Suchi se soubesse do incidente que resultou na morte da filha do parlamentar, que também é policial militar da reserva.
 
O desabafo de Suchi se refere a um episódio doloroso para ele: no ano passado, sua filha, a advogada Daniela Suchi Balbino, 25 anos, perdeu o bebê e morreu no Hospital Regional (lembre aqui).
 
O discurso duro de Suchi contra o médico revela que ele atribui ao profissional o falecimento de sua filha.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.