Visitas 12702473 - Online 214

Domingo, 24 de Março de 2019

Saúde

15/03/2019 11:25:00

Vereadores criticam Governo de Rondônia por não assumir responsabilidades com a Saúde em Vilhena


“Só fazem campanha, prometem um monte de coisa, e depois o município fica abandonado”

O vereador Samir Ali (PSDB) fez, na sessão da Câmara Municipal, realizada esta semana, uma indicação ao Executivo para a aquisição de duas vans e de um micro-ônibus para o deslocamento de pacientes de Vilhena para as cidades de Cacoal e Porto Velho, para a realização de procedimentos não oferecidos em Vilhena.

“O ideal seria que esses procedimentos fossem feitos aqui em Vilhena, mas recentemente o secretário de Estado da Saúde esteve em nossa cidade e deixou ainda mais distante este sonho, porque eles não têm o interesse de assumir o Hospital Regional e, assim, trazer para cá estes procedimentos, que todos nós sabemos que são de responsabilidades do Estado e que é impossível o município de Vilhena fazer. Ainda mais porque Vilhena atende a todo o Cone Sul, então o jeito é caprichar na qualidade do transporte daqui para Cacoal ou Porto Velho, o que não tem como oferecer com os veículos que a secretaria tem à disposição hoje”, pontuou.    

O vereador França Silva (PV) também se manifestou sobre o tema, parabenizou o colega pela indicação e teceu críticas ao Governo do Estado. “O Governo de Rondônia é omisso, vai mudar governador, vai mudar secretário de Saúde e vai continuar a mesma coisa. Vão continuar sugando o Cone Sul, vão continuar sugando o município de Vilhena, porque são irresponsáveis. Só fazem campanha, prometem um monte de coisa, e depois o município fica abandonado”, disse França.

França Silva argumentou ainda que o hospital é regional e atende a população de sete municípios. “O pessoal de todo o Cone sul vem pra cá, e aí a culpa recai sobre os vereadores, sobre o prefeito, sobre o secretário de Saúde. E o Estado foge da responsabilidade. O hospital é regional, se fosse municipal atenderia apenas os pacientes de Vilhena, então nós temos que cobrar que o Estado assuma a sua responsabilidade”, concluiu.    


 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Rogério Perucci

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.