Visitas 18516796 - Online 194

Domingo, 18 de Agosto de 2019

Cotidiano

12/08/2019 12:12:00

Viraliza postagem de vilhenense que expôs celular do marido procurando garotas de programa em duas cidades de RO


Cresce o número de pessoas que usam redes sociais para desabafos

Um número cada vez maior de moradores da região vem usando as redes sociais para expor problemas familiares, criticar vizinhos, cobrar autoridades e até explicar motivações para tentativas de suicídios.

Recentemente, uma empresária do Cone Sul fez uma live para falar do rompimento de seu noivado; duas garotas que acabaram se matando também deixaram mensagens no Facebook. E, num caso extremo, uma moradora de Comodoro, cidade do Mato Grosso que fica a 110 km de Vilhena, filmou a própria morte usando o celular.

Nesta semana, uma autônoma de 39 anos, moradora de Vilhena, escancarou em seu perfil na rede social a traição do marido. Ao publicar a imagem do celular do companheiro, a quem marcou na publicação, a mulher mostrou os links supostamente utilizados pelo parceiro buscando garotas de programa em Cacoal e Ji-Paraná.

Acompanhando a imagem, a internauta publicou um desabafo, que foi curtido por várias pessoas e rendeu dezenas de comentários. Confira abaixo, na íntegra:

"É dose né vc ser casada e pega celular do marido vai no histórico e vê que ele faz as viagens pela empresa que trabalha e aproveita vai sempre pra pousa com a desculpa que ja amanhece la pra reunião . Ai a esposa fica em casa cuidando dos filhos e nuncaa traiu pq tem medo de doenças etç. Pois é quem me conhece sabe que n sou de perdoar. E por mais que juri inocência não confio mais. Então esposas confira o celular e históricos dos marido pq o trem ta fácil. E como minha vida não escondo nada tai o motivo pq hj resolvi ficar solteira. E sim, é melhor com dois filhos do que cheia de doença e corna. Né, ****"




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.