Visitas 41384677 - Online 240

Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020

Política

14/09/2020 16:55:00

Ex-presidente da Câmara de Vilhena admite que PSD quer indicar vice, mas nega pressão sobre Rosani e Japonês

 
Adilson disse que está mantendo conversações com todos os pré-candidatos
 
Em entrevista ao FOLHA DO SUL ON LINE, na tarde desta segunda-feira, 14, o ex-presidente da Câmara Municipal de Vilhena, Adilson de Oliveira, eleito pelo PSDB em 2016 e hoje comandando o PSD na cidade, confirmou que o partido tem interesse em indicar candidato a vice este ano.
 
Oliveira disse que, desde o início do ano, a legenda estava alinhada com o prefeito Eduardo Japonês (PV), que deve disputar a reeleição, mas tem mantido conversações com outros pré-candidatos a prefeito, como Darci Cerutti (DEM), Rildo Flores (Podemos), Paulinho da Argamazon (Republicanos) e Rosani Donadon (PSC).
 
“Estamos tranquilos como água de poço”, garantiu, apesar da pressão para escolher nomes, já que as convenções partidárias serão realizadas esta semana, quando as agremiações terão que definir suas alianças.
 
Apesar dos boatos de bastidores, dando conta de que ele estaria liderando a pressão sobre Rosani e Japonês para aceitá-lo como vice, Adilson nega, e diz que o PSD tem vários nomes que podem ser apontados como bons companheiros de chapa, e que hoje estão na disputa para vereador: Zezinho da Disagua, Carol Andreazza e Zeca da Discolândia são alguns deles, segundo o vereador.
 
 
 
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.