Visitas 31104815 - Online 204

Domingo, 29 de Março de 2020

Geral

16/01/2020 11:41:00

OUÇA: em áudio no WhatsApp, caminhoneiro prega greve, ameaça tocar fogo em carretas e até matar funcionários de multinacional

 
Paralisação pode acontecer na semana que vem, se valor do frete não subir
 
São graves as ameaças feitas por um caminhoneiro, em áudio veiculado em vários grupos no WhatsApp e ao qual o FOLHA DO SUL ON LINE teve acesso. Na gravação, o motorista anuncia que a categoria deve deflagrar uma greve em Vilhena. O autor das declarações não foi identificado.
 
O site procurou um empresário do ramo, e ele confirmou que, de fato, é verdadeira a parte do áudio que revela a prioridade dada pela Amaggi a grandes frotistas. “Eles oferecem vantagens que nós, com poucos caminhões, não conseguimos garantir”.
 
O entrevistado explicou que, embora uma greve dos caminhoneiros não tenha sido iniciada, ela pode acontecer, caso o preço do frete não reaja até a semana que vem. “Além de poucas opções, os valores estão muito baixos, e há colegas realmente indignados com a situação”, contou o motorista, que atua no segmento há quase duas décadas e que admite a radicalização por parte de alguns dos que pregam a greve.
 
eM 2018, os caminhoneiros fizeram uma paralisação em todo o país e, em Vilhena, houve até carreata em apoio à categoria (lembre aqui)
 
Ouça abaixo o áudio, no qual o carreteiro ameaça tocar fogo em caminhões e prega até a morte de funcionários da Amaggi.
 
 





Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.