Visitas 41385486 - Online 239

Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020

Empresas

06/08/2020 17:09:00

Sicoob Credisul cresce 41,2% no 1º semestre de 2020; diretor executivo da instituição comenta

 
A carteira de crédito também cresceu consideravelmente, passou de R$1,32 para R$1,60 bilhões
 
Na contramão da desaceleração econômica provocada pelo novo coronavírus no País, a Sicoob Credisul anunciou essa semana que obteve um crescimento exponencial neste primeiro semestre de 2020. A cooperativa saiu de R$ 1,6 bilhões de ativos para R$ 2,27 bilhões, um aumento de 41,2%. Mesmo considerando a incorporação da Portocredi, em fevereiro, que trouxe R$ 280 milhões, foram mais de R$ 670 milhões de crescimento em seis meses. O resultado desse semestre representa mais do que a instituição acumulou nos seus primeiros 15 anos de existência.  
 
A explicação está em diversos fatores, entre elas a resposta imediata ao enfrentamento à pandemia nas comunidades onde está presente, tanto na área social quanto na econômica. “As inúmeras ações sociais que a cooperativa vem desenvolvendo em toda a área de abrangência, como as doações de mais de R$ 500 mil aos municípios durante a pandemia, a acelerada construção do Hospital Cooperar, a forte aderência dos cooperados ao modelo de distribuição de sobras, o atendimento personalizado e até mesmo a forte expansão do agronegócio em sua área de abrangência, contribuíram para esse resultado”, enumera Vilmar Saúgo, diretor executivo da Sicoob Credisul. 
 
A carteira de crédito também cresceu consideravelmente, passou de R$1,32 para R$1,60 bilhões, crescimento de 21,45%. Isso demonstra que, mesmo na crise e com o risco aumentando, a cooperativa não deixou de socorrer seus cooperados e fomentar negócios.  
 
Um exemplo claro nesse quesito é que a Sicoob Credisul aplicou não só os R$ 13 milhões do Pronampe, crédito de apoio à micro e pequenas empresas com taxas reduzidas, garantido pelo Fundo de Garantia de Operações (FGO), como colocou outros R$ 10 milhões em recursos próprios, na mesma taxa, para não deixar seus cooperados desassistidos. Também renegociou todas as operações das micro e pequenas empresas que precisaram, dando a carência necessária para manter seus negócios. Criou também uma linha de crédito com juros subsidiados para pagar a folha de pagamento e garantir a manutenção dos empregos.  
 
Os depósitos totais foram o indicador que obteve o crescimento mais surpreendente no semestre. Saíram de R$ 686 milhões para R$ 1,22 bilhões, uma alta de 77,81%, puxado pelo depósito à vista, que mais que dobrou, saindo de R$ 358 milhões para R$ 730 milhões, o que representou aumento de 103,54%. O número de cooperados saltou de 25,5 mil para 40,7 mil, crescimento de 60%, demonstrando que, cada vez mais, as pessoas aderem ao cooperativismo de crédito como sua instituição financeira.  
 
De acordo com Saúgo, a Sicoob Credisul também se mostrou prudente em relação ao período pós-crise, preparando-se para tanto. Por esse motivo, as provisões tiveram um incremento prudencial, embora a inadimplência ainda esteja na casa de 2%, “absolutamente controlada”, afirma o diretor. O provisionamento saltou de R$ 52 para R$ 88,5 milhões, crescendo 69,77% e criando assim um “colchão de segurança” para prever inadimplência futura. Assim, as sobras mais juros ao capital do primeiro semestre alcançaram R$ 38,97 milhões, se mantendo no mesmo patamar do primeiro semestre de 2019. 
 
A Sicoob Credisul também prevê uma projeção positiva para o final de 2020, com um resultado total semelhante ao ano anterior, porém, mais sólida e preparada para crescer e se estabelecer como uma das maiores cooperativas do Brasil. “O conselho de administração e a diretoria executiva estão empenhados em dotar a cooperativa de estrutura própria adequada para buscar e atrair, além do crescimento da instituição, novos negócios para a região”, adianta Vilmar Saúgo. Isso significa que a cooperativa irá transcender o seu papel, passando a ser um agente de desenvolvimento local ao atrair grandes empresas para a sua área de abrangência e fomentar a criação de empregos para todos”, aponta Saúgo. 
 
 
 




Fonte: Foto: Divulgação
Autor: Assessoria

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.