Visitas 64803151 - Online 228

Sexta-feira, 24 de Setembro de 2021

Geral

03/08/2021 16:22:00

Policial Civil atingido com tiro de pistola na cabeça não resiste e morre no Hospital Regional de Vilhena

 
Wagno chegou a ser socorrido, mas sofreu parada cardíaca durante atendimento médico
 
Não resistiu e faleceu instantes atrás, pouco depois De dar entrada no Hospital Regional de Vilhena, o escrivão da Polícia Civil Wagno da Costa Oliveira Ricardo, que havia disparado um tiro contra a própria cabeça na Feira Municipal no centro da cidade.
 
Policial que começou a carreira na cidade de Colorado do Oeste, Wagno, que era irmão de um sargento da Polícia Militar, estava enfrentando uma crise familiar e chegou a comentar a situação com alguns colegas, despertando preocupação ao dar algumas declarações que prenunciavam a tragédia.
 
Ainda abalados, colegas do escrivão, que aparentava ter menos de 40 anos, evitam dar declarações sobre o caso, mas admitem que ele parecia estar sofrendo muito nos últimos dias. Wagno chegou a apagar todas as suas publicações nas redes sociais.
 
O FOLHA DO SUL ON LINE segue no caso.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.