Visitas 67121497 - Online 248

Quinta-feira, 28 de Outubro de 2021

Saúde

20/09/2021 09:39:00

Prefeito não comenta troca no comando da Secretaria de Saúde e decisão vira alvo de especulações em Vilhena

 
Entre vereadores circulam os três nomes que eram cotados para substituir Siclinda
 
O FOLHA DO SUL ON LINE entrou em contato com o prefeito Eduardo Japonês (PV) e com a ex-secretária de Saúde de Vilhena, Siclinda Raasch, mas nenhum dos dois se manifestou em relação à mudança de comando na Pasta.
 
Confirmando o que o site havia publicado, Japonês nomeou, no lugar da enfermeira, o então assessor em seu gabinete, Wagner Wasczuk Borges (CONFIRA AQUI). Segundo circula entre os vereadores, eram três os nomes cotados para comandar a secretaria: Margarida Duarte, lotada no gabinete; a técnica em enfermagem Weslaine Amorim, que já atua na Saúde, e o próprio Wagner (FOTO).
 
Como nenhuma explicação foi dada para a troca na Semus, especulações de todo tipo estão sendo feitas para justificar a ação. A principal delas é que o prefeito não teria resistido à pressão de vereadores contra Siclinda, que chegou a ser chamada de “incompetente” na tribuna da Câmara.
 
Apesar da falta de formação acadêmica na área de Saúde, Wagner está sendo saudado por vereadores, que acreditam que, com diálogo, ele conseguirá se sair bem na função.
 
Já aliados tradicionais de Japonês avaliam que sua decisão é uma demonstração de desprestígio a quem ajudou em sua campanha pela reeleição, quando o novo secretário estava trabalhando pela candidatura de adversários.
 
 
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.