Visitas 125450702 - Online 227

Quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Geral

27/11/2023 17:05:00

Homem que matou outro durante bebedeira em Vilhena é condenado a 14 anos por homicídio qualificado

 
Crime ocorreu no primeiro dia do mês de julho deste ano
 
Nesta segunda-feira, 27 de novembro, Leonardo Furtado da Silva, de 23 anos, foi julgado e condenado a 14 anos de prisão por homicídio qualificado. O crime ocorreu no dia 1 de julho deste ano, em uma residência na rua 1510, no bairro Cristo Rei, em Vilhena. (Relembre aqui).
 
O trágico episódio teve início durante uma reunião onde algumas pessoas consumiam bebidas alcoólicas. Após um desentendimento, Leonardo desferiu golpes de faca contra Fábio Junior Pereira de Souza, de 33 anos, que resultaram em sua morte no local. Os relatórios do processo indicam que os golpes atingiram a vítima na região da cabeça e costas.
 
A motivação do assassinato, de acordo com o que foi apresentado nos autos, originou-se de uma discussão após Leonardo fornecer dinheiro a Fábio Junior para a compra de uma garrafa de cachaça. A controvérsia se instaurou quando Fábio retornou sem a bebida e sem o dinheiro, desencadeando uma briga.
 
Durante o julgamento, o Ministério Público defendeu a condenação do réu por homicídio qualificado por motivo fútil. Por sua vez, a defesa apresentou duas teses: a de desclassificação do crime de homicídio para o delito de lesão corporal seguida de morte, e o não reconhecimento da qualificadora de motivo fútil.
 
Ao final do processo, a juíza proferiu o veredicto de culpado pelo crime de homicídio qualificado, impondo a pena de 14 anos de prisão a Leonardo Furtado da Silva, sem direito a recorrer em liberdade. A defesa anunciou que irá analisar a possibilidade de recorrer da decisão.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Rogério Perucci

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.