Visitas 129665263 - Online 218

Quinta-feira, 18 de abril de 2024

Arte e Cultura

13/01/2024 12:11:00

Batalha de hip hop mobiliza MCs de Vilhena em evento neste sábado na “Praça do Shopping”: oitava edição mostra força do movimento

 
Com premiação e envolvimento com outros municípios, batalha vilhenense ganha destaque
 
Acontece neste sábado, 13 de janeiro, a oitava edição da Batalha de Hip Hop Vilhenense na modalidade "X1 Bate e Volta", às 19h30, na "Praça do Shopping", localizada na avenida Brigadeiro Eduardo Gomes. O evento, que é aberto ao público, contará com premiação de R$ 250, dividida entre os três primeiros colocados. Crescendo, o movimento na cidade atrai atenção de outros competidores do estado, com perspectiva de realização do campeonato estadual deste ano em Vilhena.
 
“Nesta semana serão oito MCs, que foram selecionados por várias seletivas nos últimos dias, em quatro etapas. Os que pontuaram melhor nas seletivas vão participar da batalha. Os prêmios são para os três finalistas, sendo: R$ 100 para o primeiro colocado e mais R$ 75 para o segundo e terceiro lugar. O valor é patrocínio da PKS Distribuidora”, explica um dos organizadores, Rubens Gonçalves de Castro.
 
Feito a quatro mãos, com a colaboração de Wid, Thaís e Chronos, as atividades do grupo começaram em 24 de junho no município. “Já estamos indo para oito meses de batalha, agora em janeiro, e chegando na oitava edição, já que é uma por mês com premiação, enquanto temos seletivas todos os sábados. Nenhuma outra cidade do estado tem essa frequência de eventos como aqui e agora em 2024 buscaremos fazer uma edição do Campeonato Estadual de Batalha de Hip Hop aqui em Vilhena. Isso deve fomentar bastante aqui a cena”, conta Rubens.
 
O organizador explica que a intenção do grupo é conseguir patrocinadores fixos para fortalecer a batalha. Com o dinheiro poderão ser comprados instrumentos melhores, já que atualmente uma parte dos equipamentos são emprestados. A meta é locar espaço fechado e realizar eventos maiores também.
 
“Estamos conseguindo uma visibilidade boa. Logo na segunda edição os MCs de Cacoal e Porto Velho descobriram a gente. Conseguimos participar da seletiva regional. Fomos em 15 para Cacoal, na disputa de duas vagas. Uma vaga ficou para Vilhena e outra para Cacoal, representando o Cone Sul. Na sequência Vilhena foi representada no estadual em Porto Velho. Foi uma experiência muito boa, não conseguimos ganhar, mas voltamos com mais conhecimento de eventos e ‘metemos marcha’ na nossa batalha”, explica.
 
Atualmente a estimativa é que haja, pelo menos, 25 MCs em atividade no município. Com o lema “As rimas do hip hop contam histórias que merecem ser ouvidas" o evento também destaca em seu cartaz a afirmação: "Batalha de rap é mais que um estilo musical, é cultura preta urbana que une música, dança, arte, estilo, atitude e história".
 
Rubens complementa, lembrando que “o rap salva vidas, é só querer enxergar”.
 
A logo do evento contém capacete de soldado da Grécia Antiga, famosa por suas ágoras, que eram praças públicas onde todos tinham direito à voz e opiniões críticas, bem como debates políticos a céu aberto.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Herbert Weil

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.