Visitas 136225055 - Online 501

Sábado, 13 de julho de 2024

Acidente

17/06/2024 11:31:00

Cachorro morre após derrubar entregador em rodovia de Vilhena; cidade registrou outros dois acidentes e prisão por embriaguez

 
Construtor ficará por algum tempo afastado do trabalho devido à fratura no antebraço
 
Três acidentes foram registrados na noite de ontem (domingo 16), em pontos diversos de Vilhena. Um veículo da marca Ford e cor preta capotou Linha 135 e foi parar dentro da vala às margens da estrada vicinal. Não há informações sobre as circunstâncias do acidente, nem sobre os ocupantes do veículo.
 
Outro acidente foi registrado na BR-174, rodovia federal que liga Vilhena à cidade de Juína, em Mato Grosso. Um motoboy acabou atropelando um cachorro que estava solto na pista. A colisão ocorreu nas proximidades do Centro de Distribuição da Friron. Segundo informações de testemunhas, o motociclista foi conduzido ao pronto socorro do Hospital Regional de Vilhena com suspeita de fratura em um dos pés. O cão não resistiu e morreu no local.
 
O terceiro acidente registrado na noite aconteceu por volta das 22 horas e, além de danos materiais e fratura em um dos evolvidos, também acabou com a prisão de uma pessoa por embriaguez e desacato.
 
A reportagem conversou com o motociclista envolvido no acidente. O jovem de 19 anos que trabalha na construção, fraturou em dois lugares o antebraço e precisará passar por cirurgia. Ele está internado na ala ortopédica do Hospital Regional.
 
O jovem contou à reportagem que havia levado a tia à casa dela, que fica próximo à avenida Paraná, e retornava pela avenida Dedimes Cechinel (antiga Perimetral) para casa no Residencial União. Já na altura do bairro Moysés de Freitas, trecho no qual a avenida passa a ter apenas uma das pistas asfaltada, por onde o tráfego flui nos dois sentidos, um veículo VW Gol que vinha na direção contrária invadiu a contramão ao manobrar para acessar uma rua do bairro Moysés de Freitas.
 
O rapaz afirmou à reportagem que ele vinha atrás de outra moto e que o motorista do veículo a esperou passar e manobrou em seguida à sua frente. Embora tenha freado a motocicleta, a ação não foi suficiente para evitar a colisão. Com a batida, o jovem foi arremessado a vários metros do veículo. Os Bombeiros e a Polícia Militar foram mobilizados. O jovem foi levado para o HR.
 
Embriagado e indignado com o que ele considerou descaso por parte do motorista do veículo, que embora não tenha se ausentado do local, não teria se preocupado em ver o estado construtor atingido, um homem que se apresentou como padrasto do rapaz acabou se exaltando e foi detido por embriaguez e desacato. “Ele só estava me defendendo”, disse o jovem.
 
Além do prejuízo material (segundo ele a parte dianteira da motocicleta ficou destruída), o jovem ficará por algum tempo afastado do trabalho devido à fratura no antebraço.
 




Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.