Visitas 134476904 - Online 367

Terça-feira, 25 de junho de 2024

Saúde

16/05/2024 15:31:00

Saúde alerta para casos de síndrome gripal em Vilhena; na última semana, 164 pacientes com sintomas gripais foram atendidos na UPA

 
Nos últimos 30 dias, foram confirmados três casos de Influenza no Hospital Regional de Vilhena
 
Com o período do “Inverno Amazônico” e a consequente queda das temperaturas, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) de Vilhena orienta a população sobre as doenças respiratórias, como as síndromes gripais, que se tornam mais comuns nessa época do ano.
 
De acordo com o Setor de Epidemiologia, na última semana, o município registrou 164 pacientes com sintomas de síndromes gripais que procuraram a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h). Nos últimos 30 dias, foram confirmados três casos de Influenza no Hospital Regional de Vilhena (HRV) e, atualmente, nove pacientes estão internados, aguardando confirmação laboratorial.
 
Embora os números não sejam alarmantes, a Semus destaca a importância de os moradores ficarem atentos aos sintomas, cuidados e medidas de prevenção, e reforça a importância da vacinação como meio eficaz de proteção.
 
Sintomas - A gripe tem início súbito, apresentando sintomas como febre, tosse seca, dor de garganta, dor muscular, dor de cabeça e fadiga. Em alguns casos, principalmente em indivíduos com fatores ou condições de risco, a gripe pode evoluir para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), caracterizada por dificuldade ou desconforto para respirar, sensação de peso ou pressão no peito, menor oxigenação do sangue, e rosto ou lábios azulados ou arroxeados, necessitando hospitalização.
 
Cuidados e Prevenção - Além dos cuidados básicos de higiene, é importante que a população evite lugares fechados e aglomerados, e não compartilhe utensílios de uso pessoal. Atenção especial deve ser dada a grupos mais vulneráveis, que têm maior risco de desenvolver complicações como pneumonia e insuficiência respiratória.
 
Vacinação - A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza na Região Norte foi antecipada pelo Ministério da Saúde (MS) devido às condições climáticas. Em Vilhena, a campanha começou em 13 de novembro de 2023 e a vacina ficou disponível para toda a população até 31 de março de 2024. A próxima campanha está prevista para o segundo semestre deste ano.
 
Atendimento - Qualquer pessoa que apresente sintomas deve procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência, evitando a automedicação.
 
Em Vilhena, as UBS Liro Hoesel, no bairro Cristo Rei, e Leonardo Alves de Souza, no Setor 08, estão abertas até as 22h nas segundas e terças-feiras para atendimento.
 




Fonte: Semcom - Prefeitura de Vilhena
Autor: Assessoria

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.