Visitas 3706992 - Online 200

Terça-feira, 17 de Julho de 2018

Geral

10/11/2015 16:27:39

Prefeito abre mão de prerrogativa e vai à PF para ser interrogado em Vilhena

Inquérito contra Rover foi autorizado pelo TRF1


Acompanhado de seu advogado, José Francisco Cândido, o prefeito de Vilhena, Zé Rover (PP) chegou por volta das 15:00h desta terça-feira, 10, na Delegacia da Polícia Federal em Vilhena, para ser ouvido pela primeira vez na Operação Stigma, que já rendeu prisões de secretários municipais e vários denunciados pelo MPF.
A oitiva de Rover, que tem foro especial, só está sendo possível porque o TRF1, em Brasília, atendeu pedido do MPF, autorizando a abertura de inquérito para apurar a responsabilidade do mandatário no desvio de finalidade de verbas federais. Em recente entrevista a este site, o delegado da PF, Flori Cordeiro, disse ter indícios da prática, que configuraria crime, no entender da autoridade.
 Abordado por jornalistas que o aguardavam no local, o prefeito disse que não poderia dar declarações, embora soubesse qual era o foco da investigação: o uso para outros pagamentos de verbas do convênio como governo federal para a construção do Hospital e Maternidade Infantil.
Mesmo tendo a prerrogativa de escolher data e local para ser ouvido, Rover foi até a DPF e demonstrou tranqüilidade antes de seguir para a sala do delegado encarregado de tomar seu depoimento.





Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.