Visitas 8700655 - Online 210

Domingo, 18 de Novembro de 2018

Geral

01/03/2018 09:52:15

Em Vilhena, servidor denuncia: tem vereador “manobrando” para acabar com eleição de presidente do IPMV

Entidade tem mais de R$ 100 milhões aplicados

Um servidor que preferiu não se identificar procurou o FOLHA DO SUL ON LINE nesta semana, para denunciar uma manobra que estaria sendo feita para mudar a lei que define as regras para a escolha do presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Vilhena (IPMV).

De acordo com o denunciante, um dos membros da Câmara de Vilhena estaria tentando pressionar os colegas a aprovar uma alteração na legislação para que o presidente do IPMV seja nomeado, e não eleito pelos servidores, como acontece atualmente.

O entrevistado garante que a prefeita Rosani Donadon (MDB) não está envolvida nesta manobra. E acrescenta: “Isso está partindo de uma pessoa com mandato na Câmara que tenta emplacar um aliado que jamais teria votos do funcionalismo para comandar o instituto”, revela.

MILHÕES
Segundo o denunciante, o IPMV, responsável pelo pagamento de benefícios previdenciários aos servidores da prefeitura, hoje tem mais de R$ 100 milhões aplicados. “São os rendimentos de mais de R$ 600 mil por mês que mantêm os compromissos em dia. Já imaginou alguém nomeado por indicação política lidando com tanto dinheiro?”, finalizou questionando.






Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação

Newsletter

Digite seu nome e e-mail para receber muitas novidades.

SMS da Folha

Cadastre seu celular e receba SMS com as principais notícias da folha.